Se você nunca foi a um cruzeiro, meu amigo, não sabe o que está perdendo! Vamos contar cada detalhe dessa viagem maravilhosa. Fizemos o Costa Fascinosa (Ilha Bela + Uruguai + Argentina + Ilha Grande) e estamos encantados. <3

Dicas iniciais:

  • Chegue cedo ao terminal de embarque, quanto antes melhor! Aproveite o primeiro dia ao máximo para conhecer todas as instalações do navio com calma (você vai precisar de alguns dias pra se achar, rs).
  • Crie um look para cada dia! Todos os dias tem evento no navio e se você levar pouca roupa vai se arrepender. O look precisa ser criado tanto para conhecer a cidade onde vai passar, quanto para dia de navegação e a noite.
  • Leve cartão de crédito! Não se esqueça de ligar antes para o seu banco pedindo para desbloquear internacionalmente.
  • Faça um seguro viagem! Isso é muito importante. O Diego passou mal no segundo dia de viagem e ainda bem que tinhamos o seguro, pois a conta do serviço médico foi de $340,00 dólares.
  • Leve uma bolsa de mão com uma muda de roupa para você aproveitar o primeiro dia. Roupa de piscina, protetor solar..

Detalhes do Costa Fascinosa:

GASTRONOMIA:

  • 5 restaurantes.
  • 13 bares, como: Cognac & Cigar Bar e Coffee & Chocolate Bar.

BEM-ESTAR:

  • 5 jacuzzis para hidromassagem.
  • 4 piscinas, duas com teto retrátil.
  • 1 piscina para as crianças.
  • Circuito jogging ao ar livre.
  • Quadra poliesportiva.
  • Toboágua panorâmico.
  • Centro de benm-estar, possuindo 6.000 metros quadrados, como espaço de beleza, academia, saunas, piscina de talassoterapia, banho turco e solarium.

DIVERSÃO PARA AS CRIANÇAS:

  • Acqua Park.
  • Galeão Pirata.
  • Realidade virtual com jogos atuais do novo PlayStation.

1º dia (Saída Rio de Janeiro):

A Costa avisa que o Check-in pode ser feito entre 13h e 20h. Chegamos por volta de 12:30h e já tinha muita gente na fila. Levamos em torno 3 horas até a entrada de fato no navio. Aconselhamos que chegue o mais cedo possível, por volta das 10 horas da manhã.

A organização é maravilhosa, por números e o atendimento é adorável. Fiquem tranquilos.

Ao chegar no navio, pegaram o seu documento e você só poderá pegar de volta no final do cruzeiro. Deixamos nossos passaportes. Vão entregar o seu cartão Costa e direcionar para o andar de sua cabine. São muitos andares então grave bem o número e comece a decorar. Provavelmente sua mala ainda não vai ter chegado, então você poderá trocar de roupa e começar fazer o tour pelo navio.

Fomos direto para o restaurante pois estavamos com muita fome. Não se preocupe, SEMPRE tem comida! rs

Aproveite bastante esse dia pra conhecer cada pedaçinho desse navio maravilhoso. São muitas coisas pra você ver e não vai dar tempo de decorar tudo, lá pro 6º dia, você já vai estar afiado!

No Jantar, tivemos a linda sorte de conhecer um casal maravilhoso. Eles sentaram em nossa mesa e acabamos passando a viagem toda juntos!

2º dia (Ilha Bela):

Fizemos a nossa primeira parada logo no segundo dia. A organização é feita por senhas e nesse caso como Ilha Bela não tem porto, o navio fica parado em alto mar e você irá de lancha até o Pier. Como tivemos apenas 4 horas nessa parada, escolhemos uma praia próximo ao pier e fomos andando mesmo. O nome da praia é Viana e fica em torno de 2.5km do pier. A vista é linda e adoramos a caminhada.

Viana é uma praia sem ondas, depressões ou forte correnteza, o que a torna um roteiro ideal para famílias com crianças pequenas e pessoas de idade. Possui dois hotéis em seu entorno (Porto Pacuíba Hotel e Hotel Mercedes), além de um Restaurante (Restaurante Viana) com quiosque na areia.

3º dia (Navegação):

Quando o navio está navegando aproveitamos para curtir as piscinas, atividades e as jacuzzis. Todos os dias pela manhã você receberá um “Diário de Bordo”, com todas as atrações e atividades do dia. Fique ligado nas festas noturnas e os shows no Teatro.

O nosso turno da janta foi o segundo (22:15), então iamos para o teatro ver um show e depois iamos jantar. Em seguida iamos para alguma festa em um dos lounges.

Aproveite também para jogar um bingo. Quase ganhamos $600 dólares, por 1 número!

4º dia (Uruguai – Montevideo):

Nossa segunda parada foi em Montevideo, Uruguai. Logo no porto você irá achar um lugar lindo para tirar foto de entrada no país. Tivemos apenas 6 horas para ficar e resolvemos alugar uma bicicleta. Foi a melhor solução pra quem não compra um pacote turistico. Pagamos apenas $20 dólares nas 2 bicicletas e fizemos um passeio pelas Ramblas. O termo Ramblas, é usado especialmente no Uruguai, referindo – se a grande avenida litorânea que ocupa quase toda a extensão da Capital Uruguaia e que possui mais de vinte quilômetros de extensão, frente ao Rio da Prata.

As Ramblas, são um verdadeiro símbolo da capital, percorrendo inúmeros bairros. Cada Rambla, possui um nome específico,  entre eles Pocitos e Punta Carretas , onde quando caminhamos podemos apreciar toda  a beleza das arquiteturas nova e a antiga e observa-la, pode contribuir para nossa saúde mental, poder e prazer.

A Rambla mais procurada é a de Pocitos, onde tem o letreiro “MONTEVIDEO“, ali formam-se extensas filas para a foto clichê. Nós garantimos a nossa!

Nas proximidades  das Ramblas, existem também diversas atrações muito interessantes, como o Farol de Punta Carretas, conhecido também como Farol de Punta Brava, de onde você poderá observar o por do sol, o Shoping Punta Carretas, Parque Rodó e muitos bares, entre eles: El Perro que Fuma, El Viejo y El Mar, 62 Bar, Thinkal Bar.

5º dia (Argentina – Buenos Aires):

Compramos um pacote City Tour e tivemos um pouco mais de tempo na cidade. Cerca de 10 horas.

O City Tour tradicional é um passeio pelos principais pontos turísticos de Buenos Aires e vale muito a pena pra quem nunca foi para a Argentina. No trajeto do City Tour, você vai conhecer os seguintes locais dentro do veículo: Plaza San Martin, Torre dos Ingleses, Faculdad de Derecho, Flor Metálica, Embaixadas, Palermo, Plaza Francia, Recoleta, Av. 9 de Julio, Obelisco, Teatro Colón e Puerto Madero.

As paradas para fotografias acontecem duas vezes. A primeira na Plaza de Mayo, onde é possível ver de perto a Casa Rosada, a Catedral, o Cabildo e a Prefeitura de Buenos Aires, e no bairro de La Boca, tanto no Caminito, quanto no Estádio do Boca Juniors. Além do mais, o passeio é todo guiado e durante o trajeto do city tour você poderá entender e conhecer um pouco da história da Argentina e de Buenos Aires.

Após o City Tour, saimos de taxi e uber pela cidade. Fomos até a Floralis Genérica, conhecida por nós como Flor Metálica. Trata-se de um dos principais cartões postais de Buenos Aires e certamente você vai querer tirar uma foto para guardar em seu álbum de viagem.

A grande Flor Metálica, construída em aço inoxidável e alumínio, foi doada à cidade por seu autor, o arquiteto argentino Eduardo Catalano. Localizada na Plaza de las Naciones Unidas, na Avenida Figueroa Alcorta, conta com seis pétalas e está voltada em direção ao céu. Pesa 18 toneladas e atinge 23 metros de altura.

Durante a noite, a Flor Metálica emite uma luz vermelha e volta a abrir-se ao amanhecer do dia seguinte. Quando há ventos fortes ou temporais, esse mesmo mecanismo faz com que ela se feche. Nas noites de 25 de maio, 21 de setembro e 24 e 25 de dezembro, a Flor Metálica permanece aberta.

6º e 7º dia (navegação):

Aproveitamos ao máximos esses 2 dias seguidos no navio. O tempo estava ótimo e podemos ficar tando dentro do navio quanto na parte externa. Cada ambiente proporcionado pelo Cruzeiro Costa Fascinosa não somente agrada a todo o tipo de público, como também se torna apaixonante, dando ao tripulante a experiência de poder se emocionar com as atrações que fazem palpitar o coração de alegria e ação!

8º dia (Ilha Grande):

Tivemos 6 horas para aproveitar o dia e vamos sentir saudades de cada minuto! Esse lugar é maravilhoso e é um privilégio tê-lo em nosso país.

O intenso verde do mar se mistura à Mata Atlântica e os olhos não são capazes de definir qual o mais belo cenário para mirar. Perder-se entre praias paradisíacas e o transparente das águas que circulam a Ilha é fácil. Não é exagero. São 193 km² de pura beleza preservada. É lugar para quem gosta de contato direto com a natureza, muito verde e um pouco de vento no rosto, afinal, é quase impossível resistir a um passeio de lancha pela Ilha Grande.

Dicas importantes:

  • Não existem caixas eletronicos e bancos na Ilha Grande, por isso leve dinheiro em espécie com você;
  • Pode acontecer de não conseguir usar seu cartão de débito ou crédito por falta de energia ou problema na rede telefônica, por isso, mais uma vez, leve dinheiro para Ilha;
  • Tem snorkel? Leve o seu e economize! Na Lagoa verde, você verá muitos peixinhos!

Alugamos uma lancha com roteiro de 3 praias + Lagoa azul. O preço foi R$ 100,00 por pessoa e conseguimos curtir muito bem o dia. Comemos no navio mesmo pela manhã e levamos algumas coisas pra comer lá. Não foi necessário parar em restaurante.

Incrível a energia desse lugar. A água cristalina e os peixes te convidam a dar um mergulho.

E por fim assista a esse maravilhoso filme que fizemos da nossa viagem para você ter uma noção melhor do que é esse cruzeiro lindo!

Qualquer dúvida, deixe nos comentários, teremos o prazer em ajudar! <3

#ApenasVai